ACIX realiza série de entrevistas com Coordenadores de Núcleos em homenagem ao Dia do Associativismo

Uélyson Carlos Colatto, tem 32 anos, e há 9 anos é empresário.

Sua relação com o trabalho se deu cedo. Desde os 12 anos, quando fez um curso de informática já começou a fazer alguns serviços na área.

“Ao decorrer dos anos tive a oportunidade de continuar trabalhando e também seguir a carreira de desportista atuando em algumas categorias de bases de times pelo Brasil e aos 16 anos me dediquei ao trabalho”

Formado em Ciência da Computação, Uélyson conta que já trabalhou em diversas empresas de vários seguimentos diferentes, mas era na tecnologia que se sentia em casa.

“Foi quando resolvi sair do meu emprego e fundar a minha própria empresa com a ajuda de mais dois amigos. Fundamos a Core Soluções Tecnológicas que é uma empresa de desenvolvimento de softwares sob medidas e websites personalizados que atende clientes em todo o Brasil”, conta.

Neste ano estão fundando o primeiro espaço de coworking de Xanxerê e da região da AMAI, o INX Coworking. Que vem com o objetivo de fomentar inovação, negócios e networking em Xanxerê.

Motivado pelo associativismo, há quatro anos, Uélyson se associou a ACIX com a intenção de participar do movimento de forma ativa.

“Inicialmente entrei no NJE e posteriormente formamos o Núcleo de Tecnologia que hoje se tornou o Núcleo de Tecnologia e Inovação no qual sou o coordenador atual”.
Uélyson também atuou como conselheiro titular no Conselho Municipal da Juventude e hoje também faz parte como integrante do projeto TEIA e é membro titular do Conselho Municipal de Ciência, Tecnologia e Inovação.

Considera o associativismo uma forma de ampliação de negócios e forte solução para o crescimento das empresas.

“O associativismo me trouxe um crescimento profissional e entendimento de como isso pode ser forte e impactante em minha empresa. Desenvolvemos na empresa um software voltado para associações de todo o Brasil, e hoje estamos presentes em mais de 21 estados, ajudando no crescimento de associações de todos os seguimentos. Tudo isso foi possível pois visualizamos a força do associativismo, não só em nossas atividades empresariais ou de nossos seguimentos de atuação, mas em toda a sociedade”, destaca.  

Uélyson finaliza deixando um convite aos empresários que ainda não são sócios ACIX.

“Deixo aqui o meu convite para os empresários que querem fazer parte desse movimento contínuo de crescimento, colaboração e de muita força. Seja sócio da ACIX, porque juntos somos mais fortes”, finaliza.

uelison